sexta-feira, 27 de novembro de 2009

Telescópio Newtoniano Montado !!!










Após muito tempo sem nenhuma informação a respeito da minha montagem do telescópio Newtoniano, estou postando algumas fotos dele finalizado.
Agora estou trabalhando na colimação (alinhamento dos espelhos e lente).
Construir um telescópio é realmente algo muito interessante, nos coloca em contato com habilidades práticas ( corte de tubos, madeira, pintura, canos, abraçadeiras e etc.), teóricas (muitas horas de leitura, contato com astronomos amadores, visitas a sites e blogs e tc.) e matemáticas (muitas medidas e cálculos), mas no final vale a pena.

Na minha proposta de construção optei por um telescópio com tubo ( o que normalmente todo mundo faz), e que pudesse também ser utilizado sem o tubo. A finalidade de utiliza-lo sem o tubo é promover atividades que mostre os princípios elementares do funcionamento de um telescópio refletor (onde as lentes refretoras, são substituídas por espelhos).

quinta-feira, 26 de novembro de 2009

Fazendo um motor elétrico simples - Homopolar Spiral

Para que quer explicar o funcionamento de uma motor elétrico de forma simples, acredito que esse seja um bom exemplo.
Para mais exemplos vá até o youtube e digite na pesquisa homopolar spiral.

sexta-feira, 13 de novembro de 2009

Tenho medo!!!

Hoje, 13/11/2009 a NASA anunciou importante descoberta! Encontraram água na Lua.
E neste momento tive medo.
Voltaremos à Lua?
Colonizaremos a Lua?
Lembrei-me de Drummond... Os poetas sabem demais!

O homem; as viagens

O homem, bicho da Terra tão pequeno
chateia-se na Terra
lugar de muita miséria e pouca diversão,
faz um foguete, uma cápsula, um módulo
toca para a Lua
desce cauteloso na Lua
experimenta a Lua
coloniza a Lua
civiliza a Lua
humaniza a Lua
Lua humanizada:tão igual à Terra.
O home chateia-se na Lua.

Vamos para Marte - ordena a suas máquinas.
Elas obedecem, o home desce em Marte
pisa em Marte
experimenta
coloniza
humaniza Marte com engenho e arte.
Marte humanizado, que lugar quadrado.

Vamos a outra parte?
Claro - diz o engenho
sofisticado e dócil.
vamos a Vênus,

O homem põe o pé em Vênus,
vê o visto - é isto?
idem
idem
idem

O homem funde a cuca se não for a Júpiter
proclamar justiça junto com injustiça
repetir a fossa
repetir o inquieto
repetitório.

Outros planestas restam para outras colônias.
O espaço todo vira Terra-a-terra.

O homem chega ao Sol ou dá uma volta
só para tever?
Não-vê que ele inventa
roupa insiderável de viver no Sol.
Põe o pé e:
mas que chato é o Sol, falso touro
espanhol domado.

Restam outros sistemas fora do solar a colonizar.
Ao acabarem todos

só resta ao homem
(estará equipado?)
a dificílima dangerosíssima viagem
de si a si mesmo:
pôr o pé no chão
do seu coração
experimentar
colonizar
civilizar
humanizar
o homem
descobrindo em suas próprias inexploradas entranhas
a perne, insuspeitada alegria
de con-viver.

Carlos Drummund de Andrade